1 de julho de 2011

O amor sem fita métrica.

Se eu pudesse te contar o quanto eu amo você, não daria o número das estrelas, nem o número de sorrisos que eu já soltei quando te vi, nem daria a quantidade de beijos que já demos. O meu amor por você não se mede, como você mesmo fala, amor medido é amor limitado e o meu amor por você não se tem limites. 

| Uma das centenas de cartas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar (: